domingo, 23 de abril de 2017

BELEZA POTIGUAR: Na passarela professora canguaretamense, Késsia Pessoa, é aplaudida de pé em Edição do campeonato "Deusa Sexy Plus Size" no RJ

A Professora canguaretamense Késsia Pessoa, esbanjando a sensualidade da mulher potiguar, foi ovacionada por uma plateia de mais de 200 pessoas durante a competição 'Deusa Sexy Plus Size', no Rio de Janeiro.
O evento que busca valorizar a beleza das mulheres, realizado durante uma feira de produtos eróticos no RJ, foi embalado ao ritmo do funk carioca, contando com o desfile de 30 mulheres entre 19 e 41 anos e com o peso entorno dos 100 quilos.
As modelos desfilaram em uma passarela especial montada na “Sexy Fair”, levando os apreciadores ao delírio.

O Blog do Erivan Ferreira parabeniza nossa representante, Késsia Pessoa, por levar o nome da cidade de Canguaretama aos quatro cantos do Brasil, revelando a beleza, sensualidade e o potencial da mulher canguaretamense.

Fonte:http://www.msn.com/pt-br/video/other/deusa-sexy-plus-size-leva-30-mulheres-%C3%A0-passarela-de-feira-er%C3%B3tica-no-rio/vi-BBA88Va?ocid=sf

VIOLÊNCIA: Filho é acusado de matar o próprio pai a golpes de pauladas na cidade de Canguaretama!!!

Fonte das Imagens: Whatssap
O último sábado, 22/04, a cidade litorânea de Canguaretama ficou chocada pelo registro de um bárbaro homicídio. O crime o correu na comunidade do Jiqui, nas imediações do sítio Maxixe, zona rural do município.
A vítima, 62 anos de idade, popularmente conhecida por “Luís da Bodega”, foi brutalmente assassinada pelo próprio filho, de iniciais L.R.S.N., 22 anos, conhecido na comunidade pela alcunha de “Beiço”.
De acordo com informações preliminares, pai e filho estavam bebendo no quintal de sua casa, onde, por motivo fútil, houve um desentendimento entre ambos. Após surtar, o filhou atacou o pai desferindo várias pauladas na cabeça, sem que a vítima tivesse qualquer chance de defesa. Luís da Bodega veio a óbito ainda no local.
O acusado foi detido e conduzido para a Delegacia de plantão da cidade de Goianinha, onde foi flagranteado, permanecendo à disposição da Justiça. 

Mais informações clique AQUI

sábado, 22 de abril de 2017

ESPORTE EM CANGUARETAMA/RN: TAÇA GIL... VAMOS APOIAR E DIVULGAR ESTA IDEIA!!!



Um espetacular campeonato de futebol de campo vem atraindo a atenção de torcedores de várias cidades da região, além de revelar grandes talentos da categoria.
Já em andamento, a TAÇA GIL, promete trazer grandes emoções na partida de encerramento, com data marcada para o dia 17/09/17, domingo, no Estádio Uruá, Canguaretama/RN.
Como forma de homenagem póstuma ao atleta novacruzense que estava entre os passageiros do avião que caiu na madrugada do 29/11/2016 levando a delegação da Chapecoense para Medellín, na Colômbia; a T.M.F.B. e a Liga Desportiva Canguaretamense atribuíram a denominação "TAÇA GIL" ao campeonato. 
Com uma premiação no valor de R$ 8.000,00 distribuída entre 1º, 2º e 3º lugares, a TAÇA GIL, conta com a forte participação de 16 times oriundos das cidades de Canguaretama, Pedro Velho, Vila Flor e Goianinha.

Do Blog:

Apesar da grandiosidade do evento no âmbito esportivo da região, membros da organização do campeonato alegaram ao Blog do Erivan Ferreira, estar encontrando resistência ou desmotivação por parte de alguns veículos de comunicação, referente a divulgação da copa.
O Blog do Erivan Ferreira parabeniza todos os desportistas, as equipes e organizadores pela iniciativa e por contribuírem para alavancar o esporte na região.
Desde já, abrimos totalmente nosso espaço e apoio ao esporte, no intuito de divulgar todas as informações pertinentes a TAÇA GIL, bem como fazer a divulgação dos resultados em todas as ruas rodadas.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Saiba a programação oficial dos shows da Festa da Padroeira 2017 de Goianinha, RN


A Prefeitura Municipal de Goianinha, no Rio Grande do Norte divulga programação religiosa e social e ainda detalhes da estrutura da Festa da Padroeira 2017. A novidade principal é que a festa deste ano, que continua sendo gratuita, será fechada, com uso de detector de metal e monitoramento por plataformas de observação e câmeras. 
De 21 a 23, após as novenas, haverá shows na avenida Rudson Lisboa, no dia 24 acontecerá o encerramento religioso com missa solene, procissão de Nossa Senhora dos Prazeres e descerrando da bandeira. Veja AQUI programação religiosa
A estrutura, a edição 2017 da Festa da Padroeira contará com 01 camarote privado com vendas de senhas individuais, barracas padronizadas e 50 banheiros químicos (feminino e masculino).
Em termos de segurança, a festa contará com 02 entradas e 02 saídas; 04 torres de observação da Polícia Militar; iluminação reforçada na área interna e externa da festa; detectores de metal em todas as entradas; e cavalaria da PM na área externa da festa. A estrutura de segurança por noite será de 60 policiais Militares, 20 policiais Civis, 50 seguranças particulares, 10 Bombeiros, 06 agente de proteção ao menor, além da atuação do Conselho Tutelar. Outro detalhe relacionado à segurança é a Plataforma da PM, com câmeras de monitoramento, e a Delegacia Móvel, que permite instaurar inquéritos em tempo real. Vale ressaltar que todo espaço permanecerá fechado durante o dia.

PROGRAMAÇÃO DOS SHOWS

Sexta - 21/04
Mano Walter
Rainhas da Balada
Swinguetto

Sábado - 22/04
Pedrinho Pegação
Babado Novo
Giannine Alencar

Domingo - 23/04
Cavaleiros do Forró
Magníficos
Iggor Dantas

Fonte:VNT

Eleitores que deixaram de votar nas últimas eleições e não justificaram têm até 2 de maio para regularizar pendências!


O prazo para o eleitor regularizar a situação junto à Justiça Eleitoral é dia 2 de maio. A medida vale para aqueles que deixaram de votar e não justificaram a ausência nas últimas três eleições ou, quem ainda não pagou a multa. Encerrado o prazo, os eleitores que estiverem irregulares podem ter o título cancelado. O cancelamento automático do título de eleitor ocorrerá de 17 a 19 de maio de 2017.
Mais de um milhão de eleitores estão com títulos nessa situação. Para possibilitar a regularização, o eleitor deve apresentar documento oficial com foto, comprovante de residência e, se possuir, título eleitoral e os comprovantes de votação, de justificativa ou de quitação de multa.
Destaca-se que cada turno de votação é considerado um pleito em separado para efeito de cancelamento de título. Para saber a situação perante a Justiça Eleitoral, o eleitor pode fazer consulta no Portal do TSE ou no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado, na aba Eleitor, link “Consulta por nome”. O cidadão pode optar, ainda, por ir ao cartório eleitoral e solicitar essa informação.
Eleitores com voto facultativo – analfabetos, eleitores de 16 a 18 anos incompletos e maiores de 70 anos ou com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral – não necessitam comparecer ao cartório para regularizar a sua situação.


Papa marca data de canonização dos Mártires do RN, diz arquidiocese


Os mártires de Cunhaú e Uruaçu, vítimas de massacres ocorridos em julho e outubro de 1645 nos municípios de Canguaretama e São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte, devem ser declarados santos pelo Vaticano no dia 15 de outubro. A informação foi confirmada na manhã desta quinta-feira (20) pela Arquidiocese de Natal.
Nos dois episódios, mais de 80 fiéis foram brutalmente assassinados por ódio à Igreja Católica. Destes, 30 foram martirizados, incluindo os padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, e mais o camponês Mateus Moreira, que teve o coração arrancado. A maioria das vítimas foi trancada dentro de igrejas, que foram incendiadas por invasores holandeses.

A autorização para o ato de santificação dos mártires do RN foi confirmada em março deste ano durante audiência realizada no Vaticano, onde o papa Francisco recebeu o cardeal Ângelo Amato, prefeito da Congregação das Causas dos Santos.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Juiz Luis Gustavo Smith toma posse como membro da Corte no TRE/RN

Em sessão solene na tarde desta quinta-feira (20), o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), Desembargador Dilermando Mota, empossou como membro da Corte, na classe jurista, o advogado Luis Gustavo Alves Smith. Este retorna para seu segundo biênio na casa, onde fica até 2019.
Luis Gustavo Smith agradeceu a presença e apoio de todos que o incentivaram nesta jornada e relembrou também seu histórico no Regional Eleitoral potiguar, onde já atuou como juiz suplente de 2012 a 2014 e titular de 2014 a 2016.
“Retorno a esta Corte com consciência plena de minha missão e da confiança em mim depositada. Com a tranquilidade de dever cumprido nas oportunidades passadas e principalmente com a certeza de que um novo desafio e uma nova missão surgem para que eu possa, fiel aos meus princípios, cumprir com a Justiça Eleitoral e dignificar a todos que operam o Direito”, declarou.
Para o Desembargador Dilermando, não há duvidas de que Smith realizará seu trabalho com excelência. “É um juiz com caráter firme e comprometido com a Justiça, e disso já deu prova. A casa está feliz com seu regresso”.


Fonte:ASCOM TRE-RN

Mulher de Parnamirim/RN Ganha 1 MILHÃO DE REAIS e vai às lágrimas no programa Para Rodar É Só Ganhar, do SBT

Wanderclea Sobrinho Pereira pode dar adeus aos dias difíceis. A moça, que mora em Parnamirim (RN), viu sua vida mudar completamente nesta quarta-feira, 19 de abril, ao participar do programa Pra Rodar É Só Ganhar.
A potiguar comprou o carnê do Baú da Felicidade Jequiti, pagou rigorosamente em dia e participou do programa. Ela rodou os piões e, pra surpresa de todos, conseguiu deixar os cinco parados na foto da apresentadora Patricia Abravanel, o que a garantiu o o prêmio de 1 MILHÃO DE REAIS.

Sob forte emoção, Wanderclea agradeceu a Deus, e disse que vai ajudar a família com o dinheiro que ganhou.

Fonte: Regional On Line

Prefeitura de Canguaretama lança Programa de Parcelamento de Débitos Fiscais Municipais para contribuintes negativados


Pessoas físicas e jurídicas que estão negativadas com o município de Canguaretama terão uma oportunidade para regularizar os Débitos Fiscais Municipais.
Através do Programa de Parcelamento, a Prefeitura Municipal de Canguaretama promoverá a redução da dívida dos contribuintes perante o fisco municipal.
De acordo com o site da Prefeitura Municipal (CLIQUE AQUI), O programa vai efetivar a regularização de créditos do Município, decorrentes de débitos dos contribuintes pessoas físicas e jurídicas, relativos a tributos, taxas e contribuições de melhorias municipais em razão de fatos geradores ocorridos até 31 de dezembro de 2016.

Para saber mais ou se cadastrar no programa, os interessados deverão procurar a Secretaria Municipal de Tributação para regularizar a sua situação de forma parcelada.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Canguaretama/RN: Catu dos Eleotérios e os Remanescentes Indígenas...Patrimônio cultural do Brasil!!!!!



O Catu dos Eleotérios está localizado no litoral sul das terras potiguares, distando aproximadamente 80 Km de Natal, em áreas pertencentes aos municípios de Canguaretama e Goianinha. Seu povoado é formado por aproximadamente duzentas unidades familiares.
O “Catu dos Lotero”, forma como costuma ser chamado por seus regionais, é rodeado por canaviais. Situado às margens do rio Katu (termo Tupi que traduzido para a língua portuguesa significa “bom”, “bonito”), e com uma população que ultrapassa 800 pessoas, apresenta uma memória histórica e genealógica que o remete a uma origem indígena ligada aos antigos habitantes do interior do RN, os índios Tapuias.
Os Tapuias possuíam grande força física, corpulentos, pele queimada em tons de marrom cobreado. Mantinham cabelos longos, não costumavam usar roupas, mas cobriam as partes íntimas. Eram desprovidos de pelos por todo o corpo, inclusive as sobrancelhas. As mulheres apresentavam estrutura física pequena e corpos rechonchudos. Adornavam seu corpo com penas de aves, folhas de plantas nativas e raízes. Utilizando pedaços de paus, confeccionavam brincos e colares. Pintavam o corpo com tinta extraída do fruto de jenipapo a fim de adquirirem um aspecto terrível nos combates. 
Ao se referir à povoação de Canguaretama, Olavo de Medeiros Filho[1]descreveu que logo após a Guerra dos Bárbaros[2], os índios foram aldeados na Lagoa de São João. Cinco anos depois, a Aldeia de São João Batista da Ribeira do Cunhaú ainda existia. Em 1858, com a transferência da sede do município de Vila Flor para povoação de Uruá - que passou a se chamar Vila de Canguaretama - índios Tapuias passaram a viver no local, se empregando na fabricação de vasos de barro, ornamentação de cuias, cestas de palhas e cordas. Possivelmente, estes Tapuias foram descendentes dos antigos Tapuias da aldeia São João Batista da Ribeira do Cunhaú, fundada em 1702. (MEDEIROS FILHO: 1997, p. 62). Paralelamente a estes fatos, pode ser observada a existência de descendentes de índios através da presença de caboclos. 
De acordo com a memória popular, o povoado do Catu originou-se por volta do ano de 1850, quando três irmãos pernambucanos de etnia Potiguara pertencentes a uma família de sobrenome Eleotério (Serafim, Manoel e Antônio), sendo um deles casado com uma índia Tapuia, receberam as terras do Catu de um padre chamado Aquino de Góis. Daí o nome do lugar ser Catu dos Eleotérios.
Recém chegados a região, os três forasteiros se uniram a alguns Tapuias que viviam em Vila Flor e que haviam descido ao antigo Povoado do Uruá, desta forma, pode-se cogitar a possibilidade de que seus moradores sejam descendentes dos índios Tapuia Canindé daquele povoado.  
Possivelmente, alguns indígenas chegaram ao Catu foragidos de aldeamentos liderados pela igreja católica. Também é provável que alguns negros se fixassem na localidade buscando alternativas ao trabalho escravo em que estavam submetidos nos engenhos da região.
Da família dos Eleotérios, descenderam diretamente quatro vertentes genealógicas: Os “Canário” (descendentes de Antônio Eleotério Soares); Os “Tibúcio” (descendentes de Manoel Tibúcio); Os “Punaré” (descendentes de Manoel Inácio Eleotério) e Os “Serafim” (descendentes de Serafim Antônio Soares). Posteriormente, surge outra ramificação dos Eleotérios: “Os Arcanjos” (a partir da 5º geração de descendentes de Serafim Antônio Soares surge a família Arcanjo, fruto da união de uma descendente direta dos Eleotérios com um homem da região).
Nas terras do Catu está localizada a nascente do rio que preserva o seu nome, o qual se estende até a Sibaúma, lugar onde se une ao mar. Este mesmo rio, ainda no século XX, serviu como marco divisório utilizado na jurisdição política entre os municípios de Canguaretama[3] e Goianinha. Muitos de seus moradores se utilizam das águas do rio Catu para diversas atividades, que vão desde a agricultura familiar ao uso doméstico.
Durante muito tempo as famílias do Catu dos Eleotérios estiveram articuladas ao processo produtivo do látex da mangabeira, cujo líquido, transformado em borracha, teve grande importância como produto de exportação. Com o declínio da produção da borracha, seus moradores passaram a dedicar-se à extração da madeira para que fosse utilizada como combustível na produção de energia através de um gerador[4] na cidade de Canguaretama. Além do extrativismo, a produção de azeites, carvão vegetal para consumo doméstico, farinha, o cultivo de hortaliças e outros alimentos em “pauls” direcionados ao abastecimento local contribuíram para o estreitamento das relações sociais entre os Eleotérios e as comunidades circunvizinhas. Atualmente, grande parte dos moradores do Catu continua inserida no trabalho rural, estando empregados nas grandes usinas de cana-de-açúcar da região ou em fazendas locais. Outra parcela está agregada no mercado de trabalho das cidades de Canguaretama e Goianinha. Outros desenvolvem diversas atividades autônomas, sendo em sua maior parte comerciantes e pequenos produtores agrícolas, distribuídos entre homens e mulheres, e que participam de feiras livres em Canguaretama e em algumas cidades próximas.
Após a década de 1960, foram verificados alguns movimentos migratórios em direção ao Catu provenientes de cidades paraibanas que fazem fronteira com o RN. Atraídos pela oferta de emprego ou ao adquirirem pequenos lotes de terras em localidades próximas, alguns imigrantes transferiram seus familiares para o Catu, outras pessoas contraíram matrimônio com indivíduos que antes já moravam na comunidade, surgindo assim, novas famílias.
Neste processo, a forma de ocupação da maioria das terras, continuou a se dar por herança. Não havendo terras suficientes para se repartir, os pais por tradição, passaram a abrigar os novos casais em suas próprias residências, ampliando o número de familiares sob o mesmo teto. Esta prática, que se remete aos antigos aldeamentos indígenas, continua a se repetir na comunidade do Catu, até os dias atuais.
O Catu dos Eleotérios teve uma grande parcela de seu território expropriado pela agroindústria, uma vez que, muitos de seus moradores venderam lotes de suas terras à Usina Estivas para que se desse a prática do plantio da cana-de-açúcar. Na década de 1990, a usina Baía Formosa também passou a explorar suas terras ao realizar arrendamentos a médios proprietários. 
Os remanescentes indígenas do Catu perderam a maioria dos seus costumes tribais. Suas habitações passaram a ser feitas com barro, tijolos, cimento e telhas. Desta forma, paulatinamente, as antigas casas construídas com folhas de palmeiras e estacas de pau foram desaparecendo. A maioria de sua população foi convertida às religiões monoteístas, abandonado assim, a maior parte dos antigos rituais em que cultuavam várias divindades. Preservou-se, porém, o Culto à Jurema[5].
Alguns hábitos indigenistas ainda podem ser percebidos em uma das formas pela qual garantem seus alimentos, onde com o auxílio de técnicas rudimentares, caçam, pescam, plantam e coletam o necessário para sua subsistência. Na prática da medicina, conseguem curar-se de doenças fazendo o uso de plantas e ervas através de chás e xaropes naturais: o “lambedor”. Sua cultura também permanece viva refletida no artesanato praticado por seus moradores. 

A Dança do Toré e o Catu dos Eleotérios :

Inicialmente, como forma de expressão cultural, os moradores dos Eleotérios costumavam praticar a dança do Coco de Zambê. Com o passar dos anos, esta prática foi substituída pelo ritual do “Toré[6]”. A partir de então, os indígenas do Catu passaram a apresentar-se publicamente, reafirmando sua identidade indígena.
O Coco de Zambê, regionalmente conhecido como Zambê-do-Pau-Furado, é uma dança cuja origem é creditada aos antigos escravos que habitavam a zona litorânea do Rio Grande do Norte.  Caracteriza-se por uma coreografia individual e composta exclusivamente de homens. O seu ritmo é formado por atabaques, pequenos tambores, ganzá e afoxé ou maracá.
Sua dança ocorria em diversas localidades, dentre elas: Pipa, Sibaúma (Tibau do Sul), Vila Flor e Canguaretama. Destacando-se o Engenho Cunhaú, que somado a um complexo de outros engenhos de cana-de-açúcar fixados no vale do rio Cunhaú, aglomerava uma considerável população negra destinada ao abastecimento da mão de obra.
Desta forma, no Rio Grande do Norte em que supostamente não havia a presença indígena, a comunidade do Catu dos Eleotérios surge como importante remanescente, conseguindo sobreviver a mais de 500 anos de perseguição e alienação provocadas pela ambição e intolerância do Homem Branco em terras brasileiras.
O Toré reflete uma forma viva e emblemática de expressão da cultura, religiosidade e identidade dos povos indígenas. Estão inseridas nele diversas manifestações objetivas e subjetivas, dentre elas: a música, a dança e a ingestão de bebidas (destacando-se a jurema, feita com cascas e raízes sagradas e que através de sua ingestão permitem a comunicação com seres espirituais, muitas vezes, antepassados).
Acompanhado por maracás, gaitas, totens, amuletos, pisados fortes no solo e pelo coro das vozes dos dançarinos, o Toré representa para os povos indígenas a conquista do seu espaço e a preservação de seus costumes diante de outros povos de diferentes culturas. Mais que isso, é um ritual sagrado.
De acordo com alguns pesquisadores, a origem do toré advém da língua tupi. Desta forma, a palavra to’rë, se refere a um instrumento de sopro, denominado “torto” por possuir este formato. É feito de bambu, couro de jacaré ou barro e se assemelha muito a uma flauta. Para outros, a palavra tem origem afro-ameríndia, e se caracterizou por ser uma dança circular praticada por homens e mulheres, aos pares, onde era tocado o tal instrumento. 

 Narrativas do Catu dos Eleotérios: 

 A Mãe-d’água:
 A Mãe-d’água é um vulto que utiliza seus poderes sobrenaturais para aparecer nas margens do rio Katu e desaparecer sem deixar vestígios. As narrativas falam que a Mãe-d’água pode ser observada sempre perto do rio, muitas vezes de cócoras, e quando alguém se aproxima dela, um salto rápido dentro das águas a faz desaparecer sem deixar nenhum vestígio.

 A Comadre Fulozinha 
A Comadre Fulozinha é um espírito da floresta protetor dos animais e está ligada às caças e à ambientação da floresta; ora ajudando ao caçador, lhe facilitando a caça e, ora, impedindo-o, punindo-o, atrapalhando-o.
Seu verdadeiro nome é Adelina. Esta entidade utiliza um apito, de tal forma que, quando apita longe está perto e ao apitar perto, está longe. Aquele que tiver amizade com ela terá sucesso em sua caçada. Porém, se alguém ousar chamá-la de Caipora, ela ficará furiosa e como forma de castigo, não conseguirá ter sucesso durante a caça.

O Lobisomem do Catu:
O lobisomem do Catu é uma criatura folclórica com formas de lobo, mas com o corpo semelhante a um ser humano.
A narrativa conta que este bicho costumava aparecer na mata do Catu em noites de lua cheia. Para que houvesse a metamorfose, ainda na forma humana e sob esta fase da lua, o indivíduo teria que deitar-se em uma espécie de lastro utilizado para burros dormirem. Em seguida, precisaria se despir de todas as suas roupas, de forma que fossem feitos sete nós nas vestimentas retiradas. Para finalizar o ritual, seriam pronunciadas as seguintes palavras:
Deita bicho. Espicha-te rabo. Levanta-te bicho. Com todos os diabos.”
Ao se transformar em lobisomem, a criatura percorreria por sete noites consecutivas sete cidades. Por último, teria que retornar ao lugar da transformação e desfazer os nós feitos nas roupas antes que o galo cantasse. Caso não conseguisse, se tornaria em lobisomem para sempre.

Fonte: Memórias de Canguaretama Volume I - Autor Erivan Ferreira


[1]MEDEIROS FILHO, Olavo de. Aconteceu na Capitania do Rio Grande. Natal; Departamento Estadual de Imprensa; pg 99; Natal, RN; 1977. 
[2]Guerra que durou cerca de 70 anos (1650 - 1720), na qual nativos do Rio Grande do Norte e principalmente do Ceará, e alguns de Pernambuco, Piauí e Parnaíba se uniram em uma confederação para enfrentar o conquistador branco.  Em consequência da Guerra dos Bárbaros, centenas de índios teriam sido dizimados no interior.  De acordo com relatos,  até as duas primeiras décadas do século XVIII havia centenas de nativos no território potiguar.  
[3]Nestor Lima, em Estudo sobre os Municípios do Rio Grande do Norte, ao se referir ao rio Catu, descreve: “Que nasce nos taboleiros da “Matta do Marfim”, abaixo da nascença do rio pequery e divide o município com o de Goyaninha, dahi pra baixo. Tem um curso de 4 legoas no município, passa nos lugares: Catu de Cima, Gruta do Bode, Maxixi, Marajá, Engenho Catu, ou Triumpho, Catusinho, Engenho Barraca e Entre Rios e faz barra no Atlântico no lugar “Sibaúma” (...) (LIMA 1990 p. 82).
[4]De acordo com o historiador Francisco Galvão, o gerador pertencia a Guilherme Gouveia, posteriormente, em 1930, foi vendido ao Sr. Romualdo Galvão. A partir de então, passou a funcionar com óleo diesel, sendo desativado no ano de 1965.
[5]O Culto à Jurema permaneceu durante muitos anos, sendo realizado por Chico Lotéro e Pedro Palhano. Chico realizava nas matas uma dança ritual que foi citada por dona Silvina de “Ritual Tapuia”; e Pedro Palhano foi o Mestre que Iniciou dona Geralda nas mesas de Jurema”. - Prof. Rômulo Angélico, Licenciado e bacharel em História (UFRN); especialista em Ciências da Religião (UERN).
[6]Na dança do Toré dos dias atuais, está presente uma música do antigo “Ritual Tapuia”: “Eu estava no meio da mata, no toco embolando mel/quando olhei estava cercado dos Tapuias de Kanindé”. Kanindé, como sabemos, foi um dos últimos grandes líderes tapuias, filho do grande Tuxá Janduí. Kanindé organizou um exército com centenas de índios, muitos dos quais utilizavam armas de fogo e sabiam montar cavalos melhor que os holandeses”. - Prof. Rômulo Angélico, Licenciado e bacharel em História (UFRN); especialista em Ciências da Religião (UERN).

Igreja de Cristo no Brasil - Canguaretama, fará 10 anos de Ministério na cidade!!! Todos estão convidados!!!


ALERTA VERMELHO: "Jogo da Baleia Azul" oferece automutilação e suicídio para crianças e adolescentes!!!

Um sinistro jogo viral tem causado alarme no mundo todo. É o jogo da Baleia Azul, disputado pelas redes sociais, que propõe desafios macabros aos adolescentes. Para quem ainda não sabe, a dinâmica é muito simples: adolescentes são convocados para grupos fechados no Facebook e no WhatsApp para participar da Baleia Azul, que consiste em cumprir 50 desafios pré-estabelecidos por curadores***, que normalmente também são adolescentes com perfis falsos nas redes sociais. Entre as tarefas, estão mutilar os braços com facas, assistir filmes de terror na madrugada e, na tarefa final, cometer suicídio.
 Aparentemente o fenômeno começou na Rússia, mas está se espalhando – inclusive no Brasil, como sugerem o caso da jovem de 16 anos morta no Mato Grosso e uma investigação policial em andamento na Paraíba. Na Rússia, em 2015, uma jovem de 15 anos se jogou do alto de um edifício; dias depois, uma adolescente de 14 anos se atirou na frente de um trem. Depois de investigar a causa destes e outros suicídios cometidos por jovens, a polícia ligou os fatos a um grupo que participava de um desafio com 50 missões, sendo a última delas acabar com a própria vida.
 A preocupação aumentou ano passado, quando fontes diversas chegaram a divulgar, sem confirmação, 130 suicídios supostamente vinculados a comunidades online identificadas como “grupos da morte”.
 Tudo na internet se espalha muito rápido, mesmo as coisas mais inacreditáveis. Neste caso não é diferente. O fenômeno ganhou visibilidade e vem se alastrando pelo mundo. Em alguns países, como Inglaterra, França e Romênia, as escolas têm feito alertas às famílias, depois que adolescentes apareceram com cortes nos braços, queimaduras e outros sinais de mutilação.
 Jogos com apelos de riscos letais têm virado moda entre os adolescentes. Um exemplo é o jogo da asfixia, que gerou vítimas no Brasil. Outro é o “desafio do sal e gelo”, no qual, para serem aceitos no grupo, os adolescentes devem queimar a pele e compartilhar as imagens nas redes sociais. Embora exista há anos, o desafio voltou com força recentemente. Sem falar no “Jogo da Fada”, que incita crianças o gás do fogão de madrugada, enquanto os pais dormem.

 As recomendações para as famílias são: monitorar o uso da internet, frequentar as redes sociais dos filhos, observar comportamentos estranhos e, sobretudo, conversar e conscientizar os adolescentes a respeito das consequências de práticas que nada têm de brincadeira. Atenção redobrada com os jovens que apresentem tendência a depressão, pois eles costumam ser especialmente atraídos por jogos como o da Baleia Azul. Também as escolas devem colocar o assunto em pauta e incorporar no currículo, cada vez mais, a educação para a valorização da vida, o respeito pela vida dos outros e o uso consciente das mídias e tecnologias.



Para saber mais clique AQUI

Fonte:G1 (ADAPTADO)

terça-feira, 18 de abril de 2017

Aneel aprova reajuste de 3,38% para consumidores de energia do Rio Grande do Norte


As tarifas de energia da Companhia Energética do Rio Grande do Norte (Cosern) serão reajustadas em 3,38% a partir do dia 22 de abril. O reajuste foi aprovado nesta terça-feira (18) pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).
Para os consumidores de baixa tensão, que são os residenciais, o reajuste médio será de 3,08%, já para os consumidores de alta tensão, os industriais, terão reajuste de 4,07%.
A Cosern atende mais de 1,3 milhão de clientes, nos 167 municípios do Rio Grande do Norte. Segundo informações da empresa, 86% dos clientes são residenciais.


G1RN 

Cosern lança aplicativo e clientes podem solicitar serviços pelo celular


A Cosern, empresa do Grupo Neoenergia, lançou nesta segunda-feira (17) um aplicativo gratuito para smartphones (disponível para os sistemas Androide, IOS e Windows Phone) para ampliar o acesso dos seus 1,4 milhão de clientes aos serviços oferecidos pela Distribuidora.
Além da comunicação de eventual falta de energia, o cliente pode utilizar o aplicativo para solicitar a segunda via da conta, religação de energia, consultar o histórico de consumo e de faturas em aberto. É tudo fácil, rápido e gratuito.
Para acessar e baixar o novo aplicativo, o consumidor deve entrar nas lojas de compras disponíveis nos smartphones, buscar “Cosern” e instalar gratuitamente. É preciso realizar um cadastro com número do CPF ou CNPJ, da Conta Contrato e telefone de contato. Os dados cadastrais do cliente irão facilitar a localização da ocorrência, agilizando o tempo de atendimento.

Além do novo aplicativo, a Cosern disponibiliza outros canais de relacionamento com seus clientes, facilitando a realização de diversos serviços, também nas 169 agências físicas e nas redes credenciadas espalhadas por todo estado. Serviços comerciais e operacionais também podem ser acessados por meio do site (www.cosern.com.br) e pelo telefone 116.

Fonte: Departamento de Comunicação Institucional | CSU

Dois Homens são presos após roubarem dois veículos em Canguaretama


Mais dois veículos, um Golf e um Fox, foram tomados de assalto em Canguaretama. 
A ação ocorreu por volta das 15h desta terça-feira, 18 de abril, nas imediações do Conjunto Bosque das Palmeiras.  De acordo com populares, uma das vítimas seria um taxista. 
De acordo com informações preliminares, ao empreenderem fuga em posse do veículo, os meliantes foram surpreendidos pelo acionamento de um dispositivo antifurto, ocasionando uma pane elétrica, que impossibilitou o deslocamento do automóvel após alguns metros. Na tentativa de se evadirem da cidade, tomaram outro veículo de assalto, porém também havia sistema antifurto no segundo automóvel, bloqueando o deslocamento do mesmo. O GTO foi acionado, localizando os suspeitos nas proximidades do IF de Canguaretama, momento em que efetuou a prisão dos suspeitos, recuperando o segundo veículo.
As informações apontam que os dois homens presos são suspeitos de praticar diversos roubos de veículos na cidade. 
Um dos acusados é residente da cidade de Paramirim (22 anos de idade). O outro foi identificado como morador do bairro Nossa Senhora da Conceição, Canguaretama (30 anos de idade).
De acordo com relatos, os suspeitos efetuaram uma tentativa de fuga a pé, sendo contidos por disparos por parte da polícia. Um deles foi ferido de raspão, sendo levado para o hospital regional de Canguaretama. Ao receber cuidados médicos, fora de risco de morte, foi reconduzido à delegacia da cidade, permanecendo a dupla a disposição da Justiça.

ESCÂNDALO EM CANGUARETAMA??? Deputado Kelps rasga o veú sobre a CENTRAL DO CIDADÃO!!!!



ENTENDA O CASO:

Se Deus quiser vão voltar a ser de excelência. Só peço que vocês tenham um pouco mais de paciência.  A situação é difícil: prédios alugados com valor acima do mercado ou com o aluguel pago, mas não funciona nada. Em Canguaretama, por exemplo, tem uma com trabalhos pagos exatamente como Central do Cidadão que nunca abriu as portas. O aluguel está sendo pago e o equipamento encaixotado sem funcionar... " Ex Governadora do RN Rosalba Ciarlini"  (LEIA NA ÍNTEGRA CLICANDO AQUI)

De acordo com postagem publicada neste blog no dia 10/03/2013, a Central do Cidadão de Canguaretama, localizada no andar de cima, na Rua Dr. Pedro Velho nº 19 - Shopping Center Cunhaú, estaria para receber os serviços de instalação de aparelhos de ar condicionado objetivando efetivar a assistência ao cidadão para a defesa e desenvolvimento da cidadania. O valor total do Contrato foi de R$ 2.900,00 (dois mil e novecentos reais) e o serviço contratado pela Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania. (CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS)
A polêmica da Central do Cidadão de Canguaretama também já foi tema abordado na Tribunado Norte (CLIQUE AQUI) e no Blog Canguaretama Nossa Terra (CLIQUE AQUI).
De acordo com a grave denúncia feita em 21/08/2012, pelo ex-secretário de Justiça e Cidadania,  Fábio Hollanda, através do seu perfil Twiterr (CLIQUE AQUI), a central do cidadão de Canguaretama nunca foi inaugurada. Naquela publicação, Fábio também trazia a informação de que desde 2003, possivelmente, o aluguel do prédio vinha sendo pago pelo governo.
No blog do Robson Pires, em postagem veiculada em 27/02/15, foi publicado a notícia de que deputado estadual Ricardo Motta (PROS) apresentou ao plenário da Assembleia Legislativa do RN expediente solicitando à Secretaria de Estado da Justiça e da Cidadania a instalação de uma Central do Cidadão no município de Canguaretama. (CLIQUE AQUI).
Recentemente, o mistério em volta da Central do Cidadão de Canguaretama voltou a transitar entre os temas polêmicos mais comentados nas redes socias, blogs e no boca a boca dos moradores da cidade. Este fato ganhou notoriedade, após a publicação de um vídeo no canal Youtube, produzido pelo Deputado Estadual Kelps Lima.

Do Blog:

Esperamos com ansiedade e indignação por uma resposta breve e eficaz sobre todos estes fatos, como também exigimos transparência referente aos supostos gastos, pois o dinheiro público é do povo e sua aplicação, em sua excelência, é para trazer benefícios para a população, um vez que, o orçamento público é custeado pelo pagamento dos impostos de todos nós contribuintes.
O Blog do Erivan Ferreira abre totalmente o seu espaço para que os proprietários do prédio, representantes do Governo do Estado ou quaisquer outros interessados possam usar o seu direito de resposta, bem como, os devidos esclarecimentos à sociedade.
Parabéns ao Deputado Estadual Kelpes (SOLIDARIEDADE) por suas ações e por cumprir com o seu dever!!!

segunda-feira, 17 de abril de 2017

CORREIOS: AGÊNCIAS PODERÃO ENTRAR EM GREVE!!!


Nesta quarta-feira (19), às 18h, os trabalhadores dos Correios no Rio Grande do Norte se reúnem para aprovar indicativo de greve por tempo indeterminado. A votação vai ocorrer em assembleias simultâneas, em Natal, Mossoró e Caicó, respectivamente, na sede do Sintect-RN, na subsede do Sintect-RN e na subsede dos Bancários.

Semana Santa...Feriado registra 28 casos de assassinatos em todo o Rio Grande do Norte!


Número ainda foi 3% menor se comparado com homicídios na Páscoa de 2016; feriado foi exceção para 2017, que bate recordes de violência
Apesar de 2017 estar, a cada semana, batendo recordes de violências no Rio Grande do Norte, o número de assassinatos no Estado durante o feriado de Semana Santa foi menor do que o registrado no ano passado. Segundo dados do Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO), o índice de violência foi de cerca de 3% a menos que no ano passado.
Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIS) registrados nesse final de semana foram mais fortes nas regiões de vias públicas, onde contabilizou 15 casos, 53% do total. Além deles, também registrou-se 6 ocorrências em hospitais, 2 em residências, 2 em terrenos baldios e um caso dentro de veículo, bar, festa e praia, cada.
A região potiguar que mais contabilizou as CVLIS foi no Leste, onde abriga Natal e a Grande Natal, com 15 homicídios. Também a OBVIO registrou 9 casos no Oeste do Estado, e 2 no Agreste e Centro, cada.
Em todo o RN, o armamento mais utilizado para realizar os homicídios foram armas de fogo, no qual contabilizou-se 24 vítimas mortas por pessoas que usaram esse instrumento.


ROBINSON FARIA É INOCENTADO POR DELATOR...


Em reportagem publicada n’O Estado de S. Paulo, no último domingo 16, foi divulgado o relato do executivo Alexandre José Lopes Barradas. Na delação, Barradas exclui totalmente Robinson Faria de ter participado de qualquer conversa que pudesse sugerir um pedido por determinada quantia durante sua campanha. O executivo, todavia, não livrou o deputado federal Fábio Faria.
“Ele (Fábio Faria) falou que precisava de R$ 100 mil para a campanha dele e R$ 350 mil seriam repassados para campanha majoritária (de Rosalba Ciarlini ao governo estadual), mas essa conversa foi só com ele. Não teve o pai dele nessa conversa”, garantiu Barradas durante depoimento ao Ministério Público Federal.

Você sabe como funciona o Programa Leite Potiguar?

Fonte: ASSECOM/EMATER/SITE DO GOVERNO DO RN