segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Acaba a greve dos bancários após 21 dias


Reunidos em assembleia na noite desta segunda-feira (17), os bancários decidiram por unanimidade encerrar a greve que já durava 21 dias. No entanto, no Banco do Nordeste do Brasil – BNB – a paralisação vai continuar e será intensificada nesta terça-feira.
A categoria conseguiu reajuste de 9% (aumento real de 1,5%), valorização do piso da categoria de R$ 1.400 (aumento real de 4,3%), melhorias na Participação nos Lucros e Resultados, como aumento da parcela fixa da regra básica para R$ 1.400 (reajuste de 27,2%) e do teto da parcela adicional para R$ 2.800 (reajuste de 16,7%). Além disso, será criada uma cláusula que coíbe o transporte de numerário por bancários e o fim da divulgação de rankings individuais dos funcionários, o que combate o assédio moral.
Os dias de paralisação serão compensados até 15 de dezembro com horas extras de trabalho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;