sábado, 22 de outubro de 2011

ONDE ENFIAR ESTE DEDÃO? Toco Maldito é esquecido pela administração pública na Praça Centenária de Canguaretama/RN e causa lesão corporal em passantes!!!


Ao caminhar pela Praça Centenária localizada no centro de Canguaretama/RN, mais precisamente situada poucos metros do Palácio Octávio Lima (sede do governo municipal), como também quase que em frente à um imóvel pertencente a um vereador e que atualmente funciona como sede da Secretária de Turismo, deve-se tomar bastante cuidado em relação ao grave risco de sofrer um acidente. Pois conforme demonstrado no Blog Canguaretama em Chamas, uma parte (a base) de um antigo poste de iluminação pública (que antes existia no lugar), permanece lá, podendo vitimar os transeuntes que a todo momento trafegam em praça pública.


Há alguns dia o "toco maldito" fez mais uma vítima: Um garotinho que tentava ganhar seu sofrido sustento vendendo salada de frutas foi vitimado pela irresponsabilidade dos que deveriam zelar pela integridade física dos transeuntes.
Após o impacto com a base esquecida pela administração pública, o carrinho tombou causando a perda de todo o produto vendido pelo jovem. A tristeza foi tão itensa a ponto de chamar a atenção dos observadores, que comovidos, resolveram fazer um "vaquinha" no intuito de amenizar os prejúizos sofridos naquela ocasião.


O caso mais crítico ocorreu à jovem Priscila: Ao se deslocar da residência em que mora, localizada na rua Dr. Pedro Velho em direção ao seu trabalho na Getúlio Vargas, teve um dos dedos do seu pé  terrivelmente lesionado pelo obstacúlo (a base do poste) que até o momento se encontra no mesmo local. Após tentar ser atendida no hospital regional de Canguaretama, a vítima voltou desolada, não recebendo os cuidados necessários devido a ausência do profissional anestegista no local, onde lá foi cuidada apenas com uma lavagem e curativo a base de gaze. Como consequência teve sua unha parcialmente amputada por sí própria, como também o comprometimento da parte que restou.
Além do desconforto, fortes dores, febre e do constrangimento, a jovem Priscila precisou arcar com todos os custos do tratamento, o que também é um outro absurdo.

Imagem do dedo lesionado da jovem Priscila. O Canguaretama em Chamas espera que o problema seja resolvido o mais breve possível para que casos inaceitáveis como este não ocorram novamente e que a reconstrução com cidadania realmente venha ocorrer de forma qualitativa para todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;