quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Barra do Cunhaú: Governo do RN faz plano de ação para divulgar pontos turísticos no Programa Domingo Legal

Ciente da importância de atrair a atenção dos turistas nacionais e internacionais para o Rio Grande do Norte, o Governo do RN, realiza esta semana duas importantes ações de promoção turística. Com o apoio da Emprotur, uma equipe de reportagem do Programa Domingo Legal/SBT está em terras potiguares gravando o Quadro Especial “As aventuras de David Brazil”. Além disso, o vice-presidente da Emprotur, Francisco Barbosa, oferece hoje um jantar para um grupo de 10 jornalistas argentinos que participam de uma viagem de familiarização no Rio Grande do Norte.
De acordo com Francisco Barbosa, uma parceria do Governo do Estado com a Avianca viabilizou a compra das passagens para a vinda da equipe do SBT para a gravação do programa que será exibido na TV em dezembro. “Esta será uma importante oportunidade de divulgar o RN mostrando seus atrativos a nível nacional num dos programas de maiores audiências da televisão brasileira”, explica Barbosa. Os telespectadores irão poder conferir vários passeios diferentes para curtir nos dias de sol e mar do Estado. Barra do Cunhaú, e a praia de Ponta Negra são alguns dos locais filmados pela equipe, além de mostrar o famoso forró e um belo voo panorâmico pelo litoral potiguar.
Reginária e o Blogueiro Erivan Ferreira em Barra do Cunhaú/RN
Já o Fam Press Argentino (viagem de familiarização de jornalistas para conhecer as potencialidades de um destino) está sendo realizado pela Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) em parceria com o Comitê Visite Brasil na Argentina e Embaixada do Brasil em Buenos Aires e irá visitar pontos turísticos em Natal e Pipa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;