quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Minha Casa, Minha Vida terá cota para idosos e deficientes


O Diário Oficial da União publicou nesta terça-feira (27) novas regras para a seleção dos beneficiários do programa do governo federal "Minha Casa, Minha Vida". Uma das mudanças é a reserva de unidades habitacionais para idosos e deficientes físicos. O novo texto garante um mínimo de 3% das construções para esse grupo, incluindo as famílias daqueles com deficiência. Para ganhar o benefício, todos os candidatos interessados devem fazer a inscrição primeiro nos cadastros habitacionais do Distrito Federal, estados e municípios. Cada programa local já deve ter como critério de seleção renda e condição social. A primeira edição do programa "Minha Casa, Minha Vida" foi lançado em março de 2009, no governo Lula, e previa 1 milhão de moradias com um subsídio de 34 bilhões de reais pelo governo. No ano seguinte a segunda edição do programa foi anunciado com subsídios de 71,7 bilhões de reais. 

Fonte: RedeTV!

Um comentário:

  1. Em Canguaretama, onde é possível se inscrever no programa e como funciona?

    ResponderExcluir

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;