segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Vila Flor: mandados foram expedidos pelo TJ

O desembargador Dilermando Mota foi quem expediu os mandados de prisão e de buca e apreensão cumpridos na manhã desta segunda-feira (19) na cidade de Vila Flor, a 81 quilômetros de Natal. As ordens tiveram que ser assinadas por um desembargador porque entre os presos está o prefeito municipal, Grinaldo Joaquim de Souza.
Da mesma forma, quem solicitou os mandados foi o procurador geral de Justiça, Manoel Onofre Neto.

Além do prefeito, foram presos o presidente da Câmara Municipal, Pedro Francisco da Silva; os vereadores Ailton Passos, Sandro Márcio da Silva, Irinaldo da Silva e Ronildo Luiz da Silva; e o secretário municipal de Obras, conhecido na cidade pelo apelido de João de Hélio.

Fonte: Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;