sábado, 18 de fevereiro de 2012

LISTÃO DO TCE GANHA PESO

A Lei da Ficha Limpa, a novidade das eleições deste ano, multiplicou por um milhão o peso da lista de inadimplentes do Tribunal de Contas do Estado. No arquivo de processos a executar existem 554 prestações de contas reprovadas pelos auditores. Elas se referem ao período de 1993 a 2004. Com 12 processos pendentes, a campeã de irregularidades é a Câmara Municipal de Pedro Velho. Há 12 processos, o mais antigo de 1993 e o último de 2000. Em segundo lugar, com oito registros, as câmeras municipais de São Bento do Norte e Senador Eloi de Souza. No município de Extremoz, região metropolitana de Natal, um empate: cinco registros da Câmara Municipal e outros cinco da Prefeitura.
Reincidências
No caso de prefeituras, três municípios dividem o primeiro lugar com sete registros em períodos diferentes: Baraúna, Ouro Branco e Tibau. Afonso Bezerra vem logo em seguida com seis. Dois municípios da nova Safra - Santa Maria e Jundiá, já ocupam posição de destaque com cinco registros de contas reprovadas pelo TCE.
Ficha Limpa
Pelo tom dos comentários deixados pelos leitores da TN Online, dá para perceber o Ibope dos ex e atuais vereadores fisgados pela Operação Impacto. A maioria não aceita que eles fiquem livres para disputar a eleição deste ano. E são chamados carinhosamente de "fichas imundas". Vai ser difícil se livrar da pecha. Mesmo os que se sentem injustamente acusados.
Fonte: Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;