quinta-feira, 24 de maio de 2012

Vem aí a “guerra das liminares”

Todo mundo sabe, mesmo não sendo advogado, que a questão agora do ex-prefeito Carlos Eduardo é conviver com a “guerra das liminares”.
Carlos Eduardo teve hoje suas contas rejeitadas pela Câmara Municipal de Natal.
Isso, numa eleição, é um desgaste muito grande.
Uma liminar pode garantir a ele o direito de se candidatar. Mas pode não garantir.
Outra pode cassar a primeira e assim por diante.
A Justiça Eleitoral tem sido muito ágil nestes tipos de julgamentos.
O pior é a insegurança de amanhecer candidato e adormecer cassado.
Um discurso de que pode ganhar e não levar vai atormentar o candidato do PDT e seus aliados.

Com informações do Riachuelo em Ação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;