quinta-feira, 7 de junho de 2012

‘Homem elefante’ luta para viver normalmente com deformações no crânio

Um jovem do Paquistão sofre de uma rara condição de vida que fez sua cabeça crescer se tornou um bravo guerreiro pela sobrevivência. 
Sain Mumtaz, de 22 anos, nasceu com corpo normal, mas com a cabeça, pernas e pés absurdamente grandes, e que continuam crescendo. 
Ainda criança, ele descobriu que sofria da Síndrome de Proteus, conhecida por deformar apenas um lado do corpo. 
Mas a deformidade simétrica que acometeu seu rosto e crânio sugere que ele sofre de uma rara variação da doença, de condição extrema. 

Sain Mumtaz chegou a acreditar que estava sendo amaldiçoado por Deus e desacreditar na vida. 
Graças ao apoio da família e dos vizinhos, o rapaz mudou de ideia. Eles o chamam de “amigo gigante” e estão ajudando a mantê-lo otimista em sua jornada pela descoberta da doença. 

Da redação com r7

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;