terça-feira, 20 de novembro de 2012

Barra de Cunhaú: MP quer unidade de conservação para manguezal

O Ministério Público Estadual, por meio do promotor de Justiça do Meio Ambiente, João Batista Machado Barbosa e da coordenadora do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Defesa do Meio Ambiente Rachel Medeiros Germano, realizou, no último sábado, dia 10, uma visita ao estuário do Rio Curimataú, em Barra de Cunhaú, em Canguaretama, para observar a situação de preservação e degradação do local e sensibilizar o governo do Estado a criar uma Unidade de Conservação no manguezal ali existente.
Participaram da visita ao estuário, além dos referidos integrantes do MP, representantes do IDEMA, vários outros órgãos e da sociedade. A proposta desse trabalho pró-ativo do Ministério Público é semelhante a atuação que redundou na criação do Parque Estadual Mata da Pipa, assegurando também em Barra de Cunhaú as condições para conservação de importante área ambiental.


Fonte: Blog Fala Canguaretama/Francisco Galvão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;