sexta-feira, 21 de abril de 2017

Eleitores que deixaram de votar nas últimas eleições e não justificaram têm até 2 de maio para regularizar pendências!


O prazo para o eleitor regularizar a situação junto à Justiça Eleitoral é dia 2 de maio. A medida vale para aqueles que deixaram de votar e não justificaram a ausência nas últimas três eleições ou, quem ainda não pagou a multa. Encerrado o prazo, os eleitores que estiverem irregulares podem ter o título cancelado. O cancelamento automático do título de eleitor ocorrerá de 17 a 19 de maio de 2017.
Mais de um milhão de eleitores estão com títulos nessa situação. Para possibilitar a regularização, o eleitor deve apresentar documento oficial com foto, comprovante de residência e, se possuir, título eleitoral e os comprovantes de votação, de justificativa ou de quitação de multa.
Destaca-se que cada turno de votação é considerado um pleito em separado para efeito de cancelamento de título. Para saber a situação perante a Justiça Eleitoral, o eleitor pode fazer consulta no Portal do TSE ou no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado, na aba Eleitor, link “Consulta por nome”. O cidadão pode optar, ainda, por ir ao cartório eleitoral e solicitar essa informação.
Eleitores com voto facultativo – analfabetos, eleitores de 16 a 18 anos incompletos e maiores de 70 anos ou com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral – não necessitam comparecer ao cartório para regularizar a sua situação.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;