quarta-feira, 26 de abril de 2017

IBGE abriu inscrições para 24.984 vagas do Censo Agropecuário


Começaram nesta segunda-feira, (24/4), as inscrições para o segundo e maior processo seletivo do Censo Agropecuário do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com 24.984 vagas. Os interessados têm até o dia 23 de maio para fazer a opção pelos cargos e até 9 de julho para o pagamento das inscrições pelo site da FGV Projetos
Os recenseadores do Censo Agropecuário vão a campo a partir do dia 1º de outubro, conforme previsão do IBGE. Do total de vagas oferecidas, 18.845 serão para a função de recenseador, com remuneração por produção e apenas ensino fundamental exigido. O edital prevê ainda a seleção de 4.867 pessoas para agente censitário supervisor e 1.272 para agente censitário municipal, com nível médio exigido e salários base de R$ 1.900 e de R$ 1.600, respectivamente.
A taxa de inscrição é de R$ 22,00 para a função de recenseador e de R$ 39,50 para as de agente censitário municipal e supervisor, com pagamento até 9 de junho de 2017. Segundo informações da FGV Projetos, o processo seletivo terá provas objetivas de caráter eliminatório e classificatório, com 50 questões de múltipla escolha para as funções de agente censitário municipal e de agente censitário supervisor e por 40 questões de múltipla escolha para a de recenseador.
As provas para todas as funções serão realizadas no dia 16 de julho, das 13 às 17 horas, horário oficial de Brasília (DF). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 2834628 e pelo e-mail concursoibge-segundopss@fgv.br.

Além desse processo, seguem abertas, até o dia 9 de maio, as inscrições do primeiro processo seletivo do Censo Agropecuário do IBGE, com 1.038 vagas, sendo 349 para a agente censitário regional, 344 para a de agente censitário administrativo, 174 para a de agente censitário de informática e 171 para a de analista censitário.

Fonte: IBGE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todo o conteúdo postado em forma de comentário é de total responsabilidade do autor do mesmo!
Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
...
IV - é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;